"A REALIDADE MATEMÁTICA " | Futuro da Economia

"A REALIDADE MATEMÁTICA "




"A REALIDADE MATEMÁTICA "


     A interpretação dos números da conjuntura brasileira vai mais longe do que imaginamos. A derivada resultante da tragédia epidêmica será principalmente a pressão nos orçamentos dos estados da federação.
     Segundo informações do Tesouro Nacional, no segundo quadrimestre de 2018, todos os estados registravam a despesa com pessoal maior que a receita. sobretudo se levarmos em conta que em valores médio, o total das despesas estaduais com pessoal ultrapassava 70% das despesas totais naquele período.
     O contingente de pessoas fora do trabalho, além da disparada do seu tamanho, é a perda substancial da massa salarial que movimenta o consumo e a liquidez do sistema. Em todos os casos o Tesouro Nacional é obrigado a manter, pelo menos, o terço inferior da liquidez do mercado financeiro. Como as contas nacionais ainda são deficitárias, é possível que haja a injeção através de emissão de novas moedas em uma fase sem a reposição da contra partida econômica.
     As dívidas em moeda estrangeira das empresas não financeiras tem elevado nível de vulnerabilidade, dada a alta dependência do seu permanente endividamento. A ajuda federal não terá o fôlego necessário para o reaquecimento da capacidade produtiva empresarial no Brasil.
     Não está descartada assim, a possibilidade de se bater às portas do FMI, correndo o risco de ser o último da fila.












POLITICA DE PRIVACIDADE
Futuro da Economia | Todos os direitos Reservados | Desenvolvido por RIOBRASIL